Curso de Graduação em Pedagogia
  • Publicado em 09/04/2021 às 10:39

    Entrevista com as novas coordenadoras de curso (2021 – 2023)

    Há pouco menos de um mês, aconteceram as eleições para a coordenação do curso de pedagogia da UFSC. Nesse processo eleitoral, foi eleita a chapa composta pelas professoras Joana Célia dos Passos e Patrícia de Moraes Lima.

    O CALPe/Centro Acadêmico Livre de Pedagogia realizou uma entrevista com elas, a fim de permitir um momento e espaço em que pudessem expôr e elaborar um pouco mais sobre suas propostas, princípios e eixos.

    Num período em que o contato é tão dificultado, objetivaram promover um espaço, para que as estudantes pudessem conhecer mais e melhor as novas coordenadoras.

    Segue, na íntegra, a entrevista concedida pelas coordenadoras:

    https://calpe.paginas.ufsc.br/?fbclid=IwAR0hPn_VHtxMnJGxl7s47HPp_mJe4HKnSH5PiNeTB9zg1q8VleYRuYA5x

    __

  • Roda de Conversa sobre Saúde Mental

    Publicado em 22/03/2021 às 22:37

    Quem? Setor de Psicologia Educacional da CoAEs/PRAE Quando? nesta quarta-feira, dia 24/03/2021

    O quê? roda de conversa voltada a estudantes ingressantes nos semestres 2020.1 e 2020.2 “Promoção de Saúde Mental: Estratégias Possíveis”.

    As inscrições podem ser feitas até as 9h do dia 24/03/2021 através do formulário abaixo:

    https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScqcyB9XulwUT1Eg6c3yTJIAkKm6jUz1TKpEhla3499oXdDWw/viewform

    Qualquer dúvida, entre em contato com psicologia.prae@contato.ufsc.br

     


  • Publicado em 11/03/2021 às 13:47
    Calendário da Seleção PET/PEDAGOGIA
    Período para entrega de documentos de Inscrição 17/03/2021 a 20/03/2021

     

    Os documentos deverão ser enviados pelo e-mail petpedagogia07@gmail.com
    Divulgação do resultado da pré-seleção 22/03/2021 Site do PET/Pedagogia

    https://petpedagogiaufsc.paginas.ufsc.br/

    e outras redes sociais

    Entrevista 29/03/2021 e 30/03/2021 a partir das 8h30, na ordem divulgada https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/eliane-santana-dias
    Divulgação resultado final Até 01/04/2021 Site do PET/Pedagogia

    https://petpedagogiaufsc.paginas.ufsc.br/

    e outras redes sociais

    Preenchimento do termo de compromisso 05/04/2021

    8h30min

     

    Orientações

    https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/eliane-santana-dias

    Contato para esclarecimentos pelo e-mail petpedagogia07@gmail.com .

    Eliane Debus/Tutora PET Pedagogia


  • Informe: Aula Aberta: “impactos da COVID-19 nas escolas públicas”

    Publicado em 04/03/2021 às 9:25


  • MANIFESTO EM SOLIDARIEDADE AOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO

    Publicado em 03/03/2021 às 13:50

    SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

    MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

    CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA LIMA – TRINDADE

    CEP: 88040-900 – FLORIANÓPOLIS – SC

    MANIFESTO EM SOLIDARIEDADE AOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO

    O Curso de Pedagogia da UFSC, por meio das instâncias deliberativas, Núcleo Docente Estruturante e Colegiado, vem manifestar publicamente sua solidariedade aos/às trabalhadores/as em educação de Santa Catarina e do Brasil.

    Vivemos uma crise sanitária sem precedentes. A imprevisibilidade da COVID-19, o negacionismo, a negligência e a demora do governo brasileiro em assumir um plano emergencial de isolamento sanitário, testagem em massa e de vacinação, faz com que o número de vítimas fatais esteja chegando a 250 mil pessoas. Atualmente, em Santa Catarina, todas as 16 regiões estão em situação Grave ou Gravíssima no mapa de risco divulgado pelo governo do Estado e as vítimas chegaram a 6.929 de acordo com dados de 20 de fevereiro.

    O Decreto Estadual n. 1153 de 15/02/2021 que dispõe sobre as atividades essenciais, não deixa dúvidas de que um quadro ainda mais alarmante se coloca com a possibilidade de reabertura presencial das escolas de educação básica, sem as condições sanitárias para a realização do trabalho pedagógico com segurança. O referido decreto define no art. 5º que “nas Regiões de Saúde que apresentem risco potencial GRAVÍSSIMO, GRAVE, ALTO ou MODERADO na Avaliação de Risco Potencial à COVID-19 para os estabelecimentos de ensino que possuem o PLANCON-EDU/COVID-19 homologado, as atividades educacionais presenciais estarão autorizadas, devendo ser rigorosamente seguidos todos os cuidados e regramentos sanitários estabelecidos”. Isto é, mesmo com o risco potencial de contaminação entre alto e gravíssimo, o governo mantém a obrigatoriedade do funcionamento das escolas de forma presencial. Se realmente as políticas públicas considerassem a educação como atividade essencial, para além do discurso, os trabalhadores/as da educação não estariam em 17º lugar, na fila de imunização, conforme o Plano Estadual de Vacinação.

    A população não tem como ter certeza de que a saúde e a segurança serão garantidas no retorno presencial das escolas públicas, por conta da ausência de

    estrutura física e equipamentos de proteção individual, ou seja, sem as condições mínimas para que este atendimento se realize. Ao reabrir as escolas presencialmente o risco de contágio se amplia com o aumento de circulação de pessoas no transporte público, familiares, comunidade escolar e sociedade de um modo mais amplo. Além disso, não temos políticas públicas suficientes em termos de assistência emergencial e saúde pública.

    A escola, além de ser o lócus da transmissão do conhecimento científico, é um espaço essencial de socialização. A prática pedagógica é mediada pela aproximação e contato entre docentes, estudantes e demais profissionais e pelo compartilhamento de brinquedos e objetos escolares, ainda que sob restrição sanitária. Não se pode considerar que o distanciamento social será cumprido à risca, em um espaço no qual a mediação e a interação social são a base das relações educativas escolares.

    O trabalho remoto implicou em mais trabalho aos professores, e em mais precarização, além de gastos extras com equipamentos, etc. Os professores anseiam pelo retorno presencial às atividades pois o formato remoto limita o processo educativo e gera grande desgaste nos trabalhadores, estudantes e famílias, porém, para tal, é preciso que exista segurança para a reabertura e não o risco iminente de aumento da contaminação.

    Corroboramos com a posição do Sindicato dos Servidores Municipais de Florianópolis (SINTRASEM) e do Sindicato dos Trabalhadores em Educação na Rede Pública de Ensino do Estado de SC (SINTE) ao se expressarem na defesa de um retorno seguro para toda a comunidade escolar.

    Sendo assim, somos contrários ao retorno presencial às aulas neste momento e sob estas condições pois implicará em uma situação sanitária ainda mais grave. Defendemos a vacinação para todos e todas já, numa mobilização pela vida!

    Vacina para todos já!!

    Em defesa da Educação e da Saúde Pública!!

    Em defesa dos Trabalhadores da Educação!!

    Florianópolis, 24 de fevereiro de 2021.

    Colegiado do Curso de Pedagogia UFSC

    Núcleo Docente Estruturante do Curso de Pedagogia UFSC


  • “Impactos da pandemia SARA COVID-19 nas escolas públicas”

    Publicado em 03/03/2021 às 13:17


  • Os casos da Argentina e do Chile

    Publicado em 03/03/2021 às 12:08


  • CONGRESSO INTERNACIONAL LUKACS 50 ANOS DEPOIS: PENSAMENTO VIVO

    Publicado em 02/03/2021 às 21:05


  • Eleição Coordenação de Graduação do Curso de Pedagogia UFSC – Consulta à comunidade – ata de resultado

    Publicado em 01/03/2021 às 11:35


  • BANCA DE DEFESA DE TCC

    Publicado em 24/02/2021 às 10:10
    ESTUDANTE TÍTULO DO TCC  

    BANCA: nome completo. Instituição. Titulação.

     

    Data  

    Horário

     

    Carollina Veiga de Macedo

     

    Método Montessoriano na Educação Infantil – teoria e prática

     

    Orientadora:

    Dra. Ilana Laterman- (MEN/CED/UFSC)

    Membros: 

    Dra. Mônica Fantin (MEN/CED/UFSC)

    Msc Maria Luiza de Souza e Souza -doutoranda UFSC

    suplente

    Dra. Luciane Maria Schlindwein

    (MEN/CED/UFSC)

    05/03/2021 14h

     

                   Endereço Virtual da sala de Defesa                  Observações:
    https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/ilana-2

    Em caso de problemas no sistema conferência web usaremos a sala alternativa https://meet.google.com/dya-wdcy-uun

    Recomendamos a Sala:  webconf.setic.ufsc.br. BigBlueButton ou a que considerem mais adequada. Lembrem que a defesa deverá ser gravada.

    Coordenação de TCC – Pedagogia/CED/UFSC


  • Live de apresentação da chapa que concorre à Coordenação do Curso de Pedagogia/UFSC

    Publicado em 19/02/2021 às 11:39

     

     

     

     


  • ELEIÇÃO para Coordenação do Curso de Graduação em Pedagogia/CED/UFSC

    Publicado em 15/02/2021 às 18:45

    CURSO DE GRADUAÇÃO PEDAGOGIA

     

    Cronograma:

    15 a 19/02 – Apresentação da chapa e conversas com os/as estudantes nas fases

    22/02 e 23/02 – Lives em horários distintos (vespertino e noturno)

    25/02 – Consulta aos acadêmicos/as, professores/as e funcionários/as técnico-administrativos do Curso de Pedagogia

    19/03 – Posse da nova coordenação”

    Chapa inscrita: Profª Joana Célia dos Passos (EED) e Profª Patrícia Lima (MEN)

    Coordenação do Curso de Pedagogia (UFSC) – 2021-2023 Carta de apresentação Assumimos o desafio de coordenar o curso de Pedagogia da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) motivadas pelo esforço coletivo e histórico expresso em nosso Projeto Político-Pedagógico de compromisso com a escola pública de qualidade e democrática. Compreendemos que esta defesa é ainda mais urgente neste momento, devido ao desmonte do Estado, das instituições democráticas e do avanço da política neoliberal em sua mais cruel materialização: a necropolítica. O cenário em que assumimos este compromisso é marcado pela pandemia da COVID-19, em que as práticas sociais são influenciadas fortemente pelo aumento acelerado das desigualdades sociais decorrentes do crescimento da pobreza e, também, do racismo e das violências domésticas. São dados que impactam diretamente as condições de vida dos sujeitos nas instituições públicas de educação: estudantes, professores(as), técnicos(as) e toda a comunidade acadêmica. Empreendemos um esforço coletivo que se desdobra nas nossas trajetórias acadêmicas e nos movimentos sociais desde a década de 1980, que posicionam nossas lutas por uma educação pública comprometida com os sujeitos e que se afirmam no currículo do curso de Pedagogia, pela formação de professores, a partir de três eixos: a educação e a infância, os processos organizativos e a pesquisa. Nossa chapa articula dois departamentos no CED: o Departamento de Estudos Especializados em Educação (EED) e o Departamento de Metodologia de Ensino (MEN). Quem somos? Joana Célia dos Passos (coordenadora) é professora formada em Pedagogia (1981). Mestra e Doutora em Educação pela UFSC. Pós-Doutora em Sociologia Política (UFSC, 2011) e em Ciências Interdisciplinares (Universidade Nacional Autônoma do México – UNAM, 2020). É ativista do movimento negro. Foi professora na rede pública estadual e participou da fundação do Sindicato de Trabalhadores em Educação de Santa Catarina (SINTE). Atuou na Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (SECAD) do Ministério da Educação (2004-2007), na formulação de políticas públicas para a educação de jovens e adultos do campo. Lotada no Departamento de Estudos Especializados em Educação (EED), atua como docente na área Organização dos Processos Educativos, na disciplina Diferença, estigma e educação. Integra a linha de pesquisa Sujeitos, processos educativos e docência, no Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE/UFSC), e a área África e suas Diásporas, no Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas (PPGICH/UFSC). Coordena o Grupo de Pesquisa Alteritas: diferença, arte e educação e integra o Instituto Estudos de Gênero (IEG). Patrícia de Moraes Lima (sub-coordenadora) é psicóloga de formação (1992) e professora desde 1995 no ensino superior. Mestra (UFSC) e Doutora (UFRGS) em Educação. Pós-Doutora pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, em Portugal. Militante em movimentos sociais na luta pela defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes desde a década de 1990. Atuou como psicóloga na rede de atenção a infância no atendimento de meninos e meninas nas ruas de Florianópolis. Professora lotada no Departamento de Metodologia de Ensino (MEN), na área Educação e Infância, e no Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE/UFSC), na Linha Educação e Infância. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Violências (NUVIC) e do Grupo de Estudos e Pesquisas Etnografia e Infância (GEPEI). Nossos princípios – Defesa incondicional da educação pública. – Ações afirmativas como compromisso político do curso de Pedagogia na atuação da permanência simbólica e econômica dos(as) estudantes. – Docência comprometida com os sujeitos e os contextos sócio-político-culturais. Eixos/Propostas 1. Diálogo permanente com as instâncias: Colegiado, NDE, Calpe, Coordenação de fases, Coordenação de Estágio e de TCC. 2. Articulação entre o curso de Pedagogia e os movimentos sociais, fóruns, instituições e sindicatos que atuam na defesa da educação pública e nas lutas contra as desigualdades sociais, raciais, capacitistas, sexuais e de gênero. 3. Atuação no acompanhamento da permanência simbólica e econômica de estudantes ingressantes pelas ações afirmativas, para efetivar a contínua implementação dessas políticas na UFSC. 4. Reconhecimento dos sujeitos e dos contextos sócio-político-culturais como centrais para a formação de professores(as) no curso de Pedagogia. 5. Diálogo com os Núcleos/Grupos de Pesquisa para o desenvolvimento de atividades artísticas, culturais e científicas, contribuindo para a aproximação entre a graduação e a pós-graduação. 6. Ampliação dos vínculos com o Colégio da Aplicação e com o Núcleo de Desenvolvimento Infantil (NDI) para o fortalecimento do Centro de Educação. 7. Construção coletiva das rotinas e dos fluxos de trabalho do curso com os(as) técnico-administrativos(as). 8. Diálogo constante com MEN, EED e Direção do CED, bem como, com as demais instâncias de representação na UFSC. 9. Acompanhamento da implementação da adaptação curricular da Proposta Pedagógica do curso de Pedagogia junto às nossas instâncias representativas.


  • Atividade de Extensão

    Publicado em 14/02/2021 às 11:19

    image.png

    Lúcia Schneider Hardt
    Profª Drª. CED (EED/PPGE) UFSC
    Coordenadora do grupo de pesquisa BIO-Grafia Nietzsche

    Link Inscrições:

    para obter certificado) http://inscricoes.ufsc.br/activities/5217


  • Ações Afirmativas na América Latina 12/02/21

    Publicado em 11/02/2021 às 9:53


  • UFSC sem plástico

    Publicado em 04/02/2021 às 18:34

    Faça parte do UFSC Sem Plástico!

     

    Nós do UFSC Sem Plástico viemos por meio deste dar as boas vindas a todos! Esperamos que estejam todos bem e prontos para mais um semestre.

     

    Este comunicado  é um convite a toda a comunidade da UFSC para conhecerem e participarem do projeto de extensão UFSC Sem Plástico.

     

    O UFSC Sem Plástico é um projeto de iniciativa estudantil, pioneiro no Brasil, que surgiu a partir de um pequeno grupo multidisciplinar de estudantes que sonham e lutam por uma universidade livre de plásticos descartáveis e com mais consciência ambiental. Nossas portas estão abertas a todos os servidores e a estudantes de todos os cursos.

     

    Para atingir nosso objetivo, foram criadas iniciativas e campanhas entre os alunos por meio das redes sociais, eventos e dentro dos estabelecimentos da Universidade.

     

    No semestre de 2020.2, daremos continuidade às nossas atividades de forma não presencial e nosso processo seletivo está aberto para as áreas de Gestão de Projetos, Comunicação, Pesquisa e Redação e Editais. Ressaltando que sua contribuição contará como horas complementares para a integralização curricular.

     

    Uma novidade que trazemos para este semestre é o nosso Manual Básico de Reciclagem em Casa (anexo), em que apresentamos informações relevantes sobre como aprimorar a gestão dos seus resíduos em tempos de ensino remoto, além de dicas práticas para você aprender a cuidar dos seus resíduos domésticos da forma correta. Você poderá acompanhar nossas dicas também pelas redes sociais (https://www.instagram.com/ufscsemplastico/ e https://www.facebook.com/UFSCSemPlastico).

     

    Quer conhecer mais sobre o projeto e todas as nossas frentes? Inscreva-se até 07 de fevereiro (domingo) por meio deste formulário (https://forms.gle/TqQpzNd1hSTHzJcJ7) pra gente poder te apresentar o projeto e se conhecer melhor! Vamos juntos?

     

    Saudações de toda a equipe UFSC sem Plástico!

     

    Obs.: a reunião de apresentação acontecerá na segunda semana de aula no período noturno, então pedimos gentilmente que preencha o formulário conforme a sua disponibilidade.

    Clique no link abaixo

    Manual de Reciclagem em Casa


  • Estão abertas e com vagas (limitadas) as seguintes disciplinas no Curso de Pedagogia para o semestre excepcional de 2020.2

    Publicado em 29/01/2021 às 9:59

    Informamos que estão abertas e com vagas (limitadas) as seguintes disciplinas no Curso de Pedagogia para o semestre excepcional de 2020.2 (que será realizado de forma remota):

    Cód., nome da disciplina e quantidade de crédito Turma Horário
    EED7111- Educação e Sociedade I (3 créd.) 01308C 2.1510- 3
    EED7121- Filosofia da Educação I (4 créd.) 01308B 5.1830- 4
    MEN7110- Arte, Imaginação e Infância (4 créd.) 02308A 3.18h30.4
    EED7103 – Educação e Trabalho (3 créd.) 02308A 2.1330- 3
    EED7112 – Educação e Sociedade II (3 créd.) 2308A 6.1510- 3
    EED7122- Filosofia da Educação II (4 créd.) 02308A 2.1620- 2 e 4.1510- 2
    EED7131- Organização dos processos Educativos I (3 créd.) 02308A 5.1510- 3
    MEN7111- História da Educação I (4 créd.) 02308A 4.1330- 2 e 6.1330- 2
    EED7105- História da Educação II (4 créd.) 03308A 2.1510- 2 e 4.1620- 2
    MEN7135 – Educação Matemática e Infância (4 créd.) 04308 2.1330- 2 e 4.1330- 2
    MEN7136- Fundamentos e Metodologia da Matemática (4 créd.) 05308  3.1330- 2 e  6.1330- 2
    MEN7137- Geografia, Infância e Ensino (5 créd.) 05308A 5.1330- 5
    EED7133- Organização dos Processos Coletivos do Trabalho Escolar (4 créd.) 08308 2.1330- 4

     

    As vagas são destinadas especialmente para estudantes de licenciatura.

    Para inclusão de uma dessas disciplinas o/a interessado/a deve solicitar matrícula na secretaria do seu curso, no período de ajuste excepcional de matrícula, entre os dias 1 a 3/02/21.
    O Horário completo de 2020.2 do Curso de Pedagogia está disponível no site do Curso, na aba horários.
    Atenciosamente,

    Coordenação do Curso.

    Professoras Jocemara Triches e Sandra Luciana Dalmagro

    Coordenadoras do curso de Pedagogia UFSC

    (48) 3721 3576 ou 3721 2252


  • Convite para assistirem a solenidade de colação de grau, do Curso de LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

    Publicado em 20/01/2021 às 10:43


  • Atenção estudantes

    Publicado em 23/12/2020 às 16:53

    1HORÁRIO 2020_2_versão10_final_PARA ALUNOS (3)


  • Publicado em 18/12/2020 às 18:22

    Ano 8 – Nº 305/ sexta-feira, 18 de dezembro de 2020

    EDITORIAL
    2021…

    Em Editorial publicado semana passada, o Pensar a Educação em Pauta, explicitou as suas percepções acerca do ano que finda. Ano difícil, de muito luto e de muita luta, ao qual jamais esqueceremos. Em 2021 esperamos muito mais, pois somos muitas e muitas que desejam um outro país para viver e outras heranças, mais solidárias e generosas, a compartilhar com o mundo. Não somos um país fascista e nem merecemos os bolsonaros de plantão e suas políticas de morte. Somos mais e melhor do que isto! Que 2021 seja um daqueles anos para guardarmos na memória, não pela dor e pelo medo, mas pelas alegrias dos nossos corpos e pelas vitórias democráticas e igualitárias de nossas lutas!

    Leia mais.

    NAS ONDAS DA EDUCAÇÃO
    O programa de rádio Pensar a Educação, Pensar o Brasil está de férias! 2020 foi um ano que nos impôs muitos desafios, mas, apesar disso, continuamos trazendo debates sobre temas importantes e contribuindo para a discussão sobre a educação no Brasil. Tratamos sobre como a pandemia afetou diversos aspectos da educação, conversamos sobre política, relações étnico-raciais e de gênero, sobre arte, ciência, literatura e muito mais. Voltaremos em Fevereiro de 2021!

    Você pode conferir todos os programas de 2020 no site Pensar a Educação, Pensar o Brasil.

    LIVE – PENSAR AO VIVO
    As lives do Pensar a Educação, Pensar o Brasil estão de férias. Durante 2020 foram 28 edições da Pensar ao Vivo, com vários convidados, temas e reflexões, sempre conduzidas de maneira leve e despojada para ampliar, as vozes, visões e falas em torno da Educação. Realizamos muitas parcerias e viajamos por todo Brasil e América latina através das nossas telas.

    Em 2021 o Pensar a Educação retomará uma programação de bate papos e debates, enquanto isso você pode conferir todas as edições de 2020 do Canal do Pensar a Educação no YouTube.

    EDUCAÇÃO EM DEBATE
    Feliz Velho 2020 – Dalvit Greiner – EXCLUSIVO
    Assim, apesar de todos os desprazeres que tivemos neste ano de 2020 representado, principalmente, por centenas de milhares de mortes evitáveis de brasileiros ainda temos centenas de milhares de vivos que lutam, diariamente, em todas as filas desse país.

    Viva a Escola! – Aleluia Heringer – EXCLUSIVO
    Jamais abriria mão desse lugar para os meus netos. A escola com toda a sua complexidade, diversidade e pluralidade é que poderá salvá-los. Viva a escola!

    A colonização continua – Tiago Tristão Artero – EXCLUSIVO
    Não caberia em um artigo de opinião, nem mesmo em um livro, a quantidade de exemplos de formas de exploração dos que dizem importar-se e defender causas de imigrantes, de ribeirinhos, de indígenas, de crianças doentes, de idosos, enfim, de todas(os) que são fragilizados pela violência genocida do sistema empresarial e depredador que se coloca como hegemônico.

    A questão racial é uma oportunidade para falar sobre os alunos – Daniel Machado da Conceição – EXCLUSIVO
    Falar sobre os alunos é compreender contextos, potencializar vidas sem a modelagem do preconceito, derrubando as barreiras discriminatórias que são colocadas como empecilhos e dedicar atenção para superar os constrangimentos.

    Posicionamento da Associação Brasileira de Alfabetização sobre o programa de formação continuada de alfabetizadores/as baseado na ciência da SEALF/MEC – ABALF
    Verifica-se haver forte voz da negação de todo um conjunto de construtos teóricos e práticos acerca da alfabetização e se tenta fazer crer que a ciência brasileira não é ciência, em especial no campo da alfabetização. Revela-se ainda uma visão dicotômica que põe de um lado a supervalorização (da ciência de outros países, – Portugal) e de outro, a desvalorização (Universidades, pesquisadores e professores, – Brasil).

    2020, o ano da lives – Educação e ciência no espaço público
    No dia 16 de dezembro, a live Pensar ao Vivo chegou a ultima edição de 2020 e reuniu pessoas que toparam e enfrentaram o desafio das lives. Luciano Mendes e Vanessa Macêdo, do PEPB, recebem Cristiana Brito (Fiocruz Minas/CTSmov MG), Geovana Lunardi (UESC/ANPEd), Virginia Ávila (UPE/Portal Bicentenário) e Cícero Clarindo de Souza (CDDH Betim).

    Leia mais.

    BICENTENÁRIO EM FOCO
    Espaços de figura(ção): quadrantes, olhares e tonalidades paulistas em Almeida Júnior – Taís Temporim – EXCLUSIVO
    Suas pinturas, hoje reconhecidos cânones do imaginário paulista, permeiam intentos valorativos sobre uma São Paulo humilde, realista e palpável, com representações que passam pelas paisagens da província, seus sujeitos, tonalidades e tipos próprios da localidade.

    A aula perfeita: os métodos de ensino nas escolas paulistas – Laís Olivato –EXCLUSIVO
    Se uma boa aula para muitos, em 2020, é supostamente aquela que integra bem os recursos tecnológicos, o conhecimento do professor e a interação dos alunos, é fato que nem sempre foi assim.

    Educação e Independência: heranças coloniais
    Estamos nos aproximando do Bicentenário da Independência. Para aprofundar os debates sobre os múltiplos significados desta importante efeméride, sobretudo no campo da educação, o Portal do Bicentenário vai promover o curso Educação e Nação no Bicentenário da Independência.  Para iniciar o curso a profa. Ana Cristina Lage (UFVJM), aborda o tema da Educação e Independência: heranças coloniais.

    EDUCAÇÃO E LITERATURA
    A literatura e as marés – um quarto de légua em quadro – Ivane Perotti –EXCLUSIVO
    O contexto pandêmico abriu a tampa da inconformidade para alguns. Para outros, o mundo circundante é apenas uma circunstância. E para muitos, é uma circunstância a favor do próprio umbigo.

    Por quem os sinos dobram? – Gustavo Neves – EXCLUSIVO
    Ser professor em 2020, foi algo especialmente inquietante. Decretada a pandemia, migramos para o ensino remoto. Com alguma dificuldade, mas dispondo de recursos, a rede privada de educação conseguiu seguir adiante. Não sem problemas, mas seguiu. Por outro lado, na rede pública, os danos parecem atravessar o tempo.

    CONVITE À LEITURA
    As Rosas que o vento leva – Marcela Anastácio – EXCLUSIVO
    Uma mulher negra firme, a frente do seu tempo, que não teve medo de viver sua vida e terminar de criar sua filha só.

    Tornar-se palestina – Cleide Maria Maciel de Melo – EXCLUSIVO
    O que fazem, em nosso nome, os coletivos aos quais pertencemos?  Como nossos alunos percebem seus vínculos, para além do familiar? É possível ensinar pertencimento coletivo?

    Da minha janela: um convite à leitura – Alexandra Lima da Silva – EXCLUSIVO
    Ganhador do prêmio Jabuti de 2020, o livro foi publicado num mundo sem pandemia, sem coronavírus. A leitura deste livro foi um refúgio para mim, um respiro num momento de tanta dor e tanta barbaridade.

    EDUCAÇÃO, SAÚDE E SOCIEDADE
    O papel da ciência no desastre da Vale em Brumadinho, Minas Gerais – Sérgio Viana Peixoto – EXCLUSIVO
    No Brasil, não há estudos de acompanhamento, em médio e longo prazos, de populações atingidas por grandes desastres. Para suprir essa lacuna do conhecimento, o Ministério da Saúde, por meio do Departamento de Ciência e Tecnologia, contratou uma pesquisa para monitoramento da população residente no município, denominada “Programa de Ações Integradas em Saúde de Brumadinho”.

    Leia mais.

    EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS
    Direitos Humanos em tempos de pandemia: a luta continua… na escola e fora dela – Luiz Carlos C B Rena – EXCLUSIVO
    2020 chega aos seus últimos dias como o ano que ficará na memória como um tempo de angústia e perplexidade. Quando a OMS declarou como pandemia o surto do novo coronavírus não imaginávamos que essa crise sanitária seria também uma oportunidade de revelar ao mundo o quanto ainda precisamos lutar para tornar os Direitos Humanos uma realidade para todos e todas.

    EDUCAÇÃO, GÊNERO E SEXUALIDADES
    Ensinar em tempos de ofensiva antigênero: resistindo à inquisição, corporificando diversidades – Carolina Machado Mombach – EXCLUSIVO
    Uma das principais articulações da ofensiva antigênero é o ataque à Escola laica e cidadã prevista na Constituição Brasileira, o que ocorre junto à desvalorização dos saberes científicos, fundamentalmente no que tange às ciências humanas, o que incidiu em alianças para espelhar esta proposição, como aquela com o movimento Escola Sem Partido.

    EJA EM PAUTA
    A EJA e o tempo das árvores – continuação – Pedro Lobato – EXCLUSIVO
    Para quem gosta de ouvir e contar histórias, a Educação de Jovens e Adultos é um tesouro de oportunidades.

    INFÂNCIAS EM PAUTA
    A pandemia e as brincadeiras ao ar livre – Rafael Vinicius da Fonseca Pereira –EXCLUSIVO
    Os jogos e brincadeiras não representam apenas diversão, mas uma atividade fundamental à formação infantil.

    ENTREMEMÓRIAS
    Sobre memórias e escritos – Marileide Lázara Cassoli – EXCLUSIVO
    Gostaria de deixar, nesta última edição de 2020, dois pequenos textos de um autor/livro que me acompanha constantemente e, a cada nova leitura, me surpreende.

    O sabor da escrita – Evelyn Orlando – EXCLUSIVO
    Mas a escrita, com o tempo, começou a ficar burocrática e menos prazerosa, perdendo um pouco o sentido e o brilho que sempre teve para mim.

    PESQUISA EDUCACIONAL
    Heterotopia pedagógica como lugar de aparição das singularidades surdas na educação – Júlia Caroline de Araújo Almeida e Vanessa Regina de Oliveira Martins – Educação Temática Digital (Unicamp)
    A partir do conceito de heterotopia cunhado por Michel Foucault e pela configuração de novos campos de saber na educação de pessoas surdas, o presente artigo objetiva analisar práticas pedagógicas de professoras bilíngues atuantes em salas multisseriadas que tem a Libras.

    EDUCAÇÃO PELO BRASIL
    Fundeb: Câmara garante 100% dos recursos para rede pública no Fundamental e no Médio – Carta Capital
    Deputados rejeitaram um destaque do Partido Novo que pedia a inclusão de trecho já derrubado pelo Senado

    Bolsonaro veta instalação obrigatória pelo governo de banda larga nas escolas públicas até 2024 – G1
    Obrigação foi aprovada pelo Congresso no projeto que regulamentou uso do Fust, fundo criado para universalizar serviços de telecomunicações. Projeto foi sancionado com vetos.

    Leia mais.

    CIÊNCIA E TECNOLOGIA
    Como serão as festas de fim de ano? – Unaí Tupinambás para Observatório da Comunicação Pública da Ciência
    Com a proximidade das festas de fim de ano, as reuniões de família e amigos podem ser um escape dos meses de preocupação e distanciamento em 2020 – mas também podem apresentar riscos. Na coluna dessa semana, o infectologista Unaí Tupinambás explora as possibilidades para tornar as festividades mais seguras.

    O Documentário e o outro: a construção do filme Reminiscências e Afetos
    No dia 17 de dezembro, a equipe de produção do documentário Reminiscências e Afetos bateu um papo sobre as motivações e os consequências desse encontro e também sobre a construção de uma narrativa cinematográfica em torno da história de Dona Silvinha e sua família.

    Leia mais.

    AMÉRICA LATINA
    Expertos delinean perfil del nuevo secretario de la SEP, ¿cómo debería ser? – El Universal / Mexico
    Capacidad para dialogar y llegar a consensos con todo el sector y tomar distancia del presidente para enfrentar la mayor encrucijada para la educación por el Covid-19, son atributos que sugieren especialistas para el nuevo titular de la SEP

    Educación contra los estragos del covid – El Tiempo / Colombia
    Gobernantes y líderes tienen hoy la oportunidad y el desafío de replantear la senda de desarrollo.

    Leia mais.

    PENSAR INDICA
    Congresso Nacional Universidade EAD e Software Livre – UEaDSL é um evento científico semestral online, assíncrono e gratuito que reúne estudantes e professores do Brasil e do exterior para trocar experiências sobre temas relacionados à Universidade, Educação a Distância e Software Livre.  E já estão abertas as inscrições para a edição de 2021. As inscrições dos docentes estão abertas até 10 de janeiro de 2021 e são direito à participação em um curso de formação de 80h. As inscrições são gratuitas e abertas ao público geral.

    INDICAÇÃO DO LEITOR
    Carla Moreira – O livro “Trabalho, Saúde e Adoecimento Mental: percursos na rede de atenção do SUS” reúne algumas narrativas de trabalhadores da saúde de uma cidade da região metropolitana de Belo Horizonte (MG), abrangendo histórias complexas e variadas sobre saúde e adoecimento mental em meio aos percursos de trabalho de diferentes profissionais.

    OPINIÃO DO LEITOR
    Cristiane F Martins em 11/12/2020 (EJA em Pauta, edição 304, Adolescentes no socioeducativo: um olhar sobre a EJA). Sensacional. Um olhar diferenciado e clínico muito apurado. Parabéns.

    Rosane Corgosinho em 11/12/2020 (EJA em Pauta, edição 304, Adolescentes no socioeducativo: um olhar sobre a EJA). Ainda bem que temos professoras como vocês, que sabem reconhecer estes adolescentes como sujeitos de direitos e os estimulam a resgatar seus projetos de vida e, sobretudo, voltar a sonhar!

    Marcelo em 11/12/2020 (EJA em Pauta, edição 304, Adolescentes no socioeducativo: um olhar sobre a EJA). À luz do texto e da realidade de fato exposta, digo que a construção de laços dessa juventude com o espaço escolar e seus atores é o passo fundamental para estabelecer confiança. Confiança na instituição escolar (haja visto que há traumas oriundos de outros espaços a agentes públicos), educadores e principalmente a confiança em si. Continue Lendo.

    Patrícia em 11/12/2020 (EJA em Pauta, edição 304, Adolescentes no socioeducativo: um olhar sobre a EJA). Texto bastante reflexivo. Desde sempre as questões étnicorraciais são um grande desafio nos âmbitos Educação e sociedade.

    Gladston da Silva Lage em 12/12/2020 (EJA em Pauta, edição 304, Adolescentes no socioeducativo: um olhar sobre a EJA). Fundamental, sobretudo neste período de tantos recrudescimentos governamentais, que pensadores se valham de seus saberes para decifrar códigos de opressão e promover o ser humano às felicidades e dignidade possíveis. Por isso, gratidão e parabenização a essas educadoras (conheço-as!), seja pelas defesas aqui apresentadas, seja pelas vidas de lutas e ideais.

    Nívia Viçosa em 12/12/2020 (Editorial, edição 304, Nota de Denúncia de Privatização da Educação Básica Pública pela Câmara dos Deputados). Privatização, jamais! Reconhecimento, valorização, investimento na Educação Básica, isso deve ser prioridade e a base para o desenvolvimento de um país.

    Darlan Corrêa Dias em 12/12/2020 (EJA em Pauta, edição 304, Adolescentes no socioeducativo: um olhar sobre a EJA). Concordo com o texto. O projeto de vida é fundamental para a reinserção desses adolescentes na sociedade. E sem escola é quase impossível que eles tenham um projeto de vida. Nossas escolas têm que ter estrutura e treinamento para recer esse público.

    Josiane Cristina em 12/12/2020 (EJA em Pauta, edição 294, A EJA e “A Peste”). Olá, Ramuth Marinho! Quero parabenizá-lo por nos apresentar questões dignas de reflexão. Assim como você também fiquei aqui “assuntando,” justamente por saber que os problemas que ora enfrentamos estão tão enraizados nas estruturas sociais que nos impelem a naturalizá-los…Sem falar que não há interesse por parte do Estados e seus “agentes” em elaborar medidas e ações que possam atingir a raiz dos problemas. Ao contrário disso, nos apresentam medidas paliativas e superficiais. Continue Lendo.

    Josiane Cristina em 12/12/2020 (Convite à Leitura, edição 294, “É tudo para ontem”: um convite à leitura de Emicida). Olá, Alexandra Lima da Silva! Primeiramente, quero parabenizá-la, por suscitar questões tão relevantes para o povo negro como, por exemplo, o fato de nossas crianças serem interrompidas a todo o momento… Ainda não assisti o documentário. No entanto, através da sua narrativa, fica fácil perceber o quanto esta obra nos toca. Falo de nós, a população afro-brasileira. De fato, é preciso falar da dor que sentimos. Continue Lendo.

    Geralneide em 13/12/2020 (Bicentenário em Foco, edição 302, Não queremos conflitos no Centenário! Educar a mocidade baiana e celebrar a pátria). Não queremos conflitos no Centenário! Educar a mocidade baiana e celebrar a pátria.

    Natalino Silva em 13/12/2020 (EJA em Pauta, edição 295, Cartografias Participativas na EJA).Querida Flávia, Na certeza que o trabalho realizado na EJA parte de uma concepção coletiva a abordagem de cartografias participativas pode contribuir muito no processo de construção de uma educação emancipatória. Fraternos Abraços, E vamos que vamos.

    Laudicea dos Santos em 15/10/2020 (Educação e Literatura, edição 304, Para que os elos não se rompam). Achei a ideia fantástica! Trabalho com alfabetização e nesse contexto de pandemia, tivemos muitos desafios. Percebi muita criatividade nessas ações. Parabéns a todos/todas que se envolveram neste projeto.

    TIRINHA
    Desenhos do Nando

    Facebook
    Facebook
    Twitter
    Twitter
    Website
    Website
    Instagram
    Instagram
    Projeto Pensar a Educação, Pensar o Brasil 1822/2022
    Coordenação Geral – Luciano Mendes de Faria Filho e Tarcísio Mauro Vago

    Pensar a Educação em Pauta
    Coordenação – Priscilla Bahiense, Yolanda Assunção e Luciano Mendes
    Diagramação: Matheus Augusto

    Av. Antônio Carlos, 6627 – Belo Horizonte – MG – CEP: 31270-901
    E-mail: jornalpepb@gmail.com – Telefone: (31) 3409-5355

    É permitida a reprodução dos textos exclusivos, desde que seja citada a fonte.
    O conteúdo dos textos publicados pelo Pensar a Educação em Pauta é de inteira responsabilidade de seus respectivos autores e não expressa necessariamente as opiniões de seus editores.
    Você está recebendo este e-mail porque se cadastrou ou tem relacionamento com o Projeto Pensar a Educação, Pensar o Brasil 1822/2022 através do endereço eletrônico: jornalpepb@gmail.com. Se você não deseja mais receber nossos e-mails, cancele seu recebimento AQUI. Se preferir, entre em contato pelo telefone: (31) 3409-5355.

  • Defesa TCC

    Publicado em 16/12/2020 às 15:28

     

     

    ESTUDANTE TÍTULO DO TCC  

    BANCA: nome completo. Instituição. Titulação.

     

    Data  

    Horário

     

    Celestino Gabriel de Liz A Crise na Educação em Hannah Arendt: implicações do movimento Escola sem Partido Prof. Dra. Daiane Eccel (UFSC)
    Prof. Dr. Alexandre Fernandez Vaz (EED/CED/UFSC)
    Prof. Dra. Franciele Bete Petry (UFSC)Prof. Dra. Rosana Silva de Moura (EED/CED/UFSC)
    18.12.2020

     

     

     

    9:30

     

                   Endereço Virtual da sala de Defesa                  Observações:
    Novo link de entrada à defesa:

    https://meet.google.com/swx-hwwj-vvd

    Recomendamos criar uma Sala no:  webconf.setic.ufsc.br